Configurar Importação de Notas Fiscais de Despesa com o Item Genérico

Filtros


Atalhos para busca

Objetivo

No processo de importação da nota fiscal (xml) de despesa, o Consinco exige que todos os itens sejam cadastrados no sistema, entretanto, seguindo o registro 0200 do SPED,  “operações de aquisição de materiais para uso/consumo que não gerem direitos a créditos e que discriminem por gênero a aquisição de bens para o ativo fixo (e sua baixa), estes não são obrigados a serem discriminados os itens precisamente”. Para regularizar essa situação, é possível definir um item como sendo genérico, não exigindo um cadastro específico no sistema.

Esse documento instrui o usuário a configurar as aplicações para que seja possível importar notas fiscais de despesa com o item genérico, dessa forma o item não ficará na lista de rejeição da importação da nota.

Caminho

Orçamento > Parâmetros > De-Para de CFOPs de Entrada/Saída para Importação de NF-e – ORC00038

Orçamento > Parâmetros > Parâmetros de Despesa – ORPARNATDES

Pré-Requisitos e Restrições

Atualizar o sistema para a versão de PTF em que foi liberado o requisito 177977 ou versão superior.

Parâmetro Gera CIAP do agrupamento Parâmetros Domini não esteja marcado.

Passo a Passo

O CFOP é um código numérico que identifica a natureza de circulação de uma mercadoria ou a prestação de serviço de transportes. Esse código permite a configuração do de-para de CFOP que é um cadastro que visa a conversão de um código numérico para outro código numérico. É a configuração da maneira como o sistema deve interpretar um determinado código.

Geralmente atribuí-se um cadastro de de-para quando o sistema tem uma mesma informação cadastrada de formas diferentes em dois sistemas ou dois lugares.

Acesse os parâmetros no menu e clique na aplicação De-Para de CFOPs de Entrada/Saída para Importação de NF-e.

Nesta tela é possível cadastrar um de-para de CFOPs de Saída e Entrada, informando:

  • CFOP de Saída
  • CFOP de Entrada
  • Código de Produto Genérico

Caso deseje, insira uma observação para algum detalhamento e informação necessária.

Ao clicar no ícone apontado por uma seta, o sistema trará a lista de CFOPs já cadastrados e é possível consultar e selecionar o desejado. O mesmo se aplica ao Código de Produto Genérico.

Imagem 1 – Importar XML com o Registro Genérico
Imagem 2 – Importar XML com o Registro Genérico

Após selecionar as informações e clicar no ícone de Criar nova Linha, a grid CFOPs será preenchida.

Inclua as informações adicionadas selecionando o ícone de atualizar ou clicando no F4.

Imagem 3 – Importar XML com o Registro Genérico

Após o cadastro, vá em Parâmetros > Parâmetros de Despesa.

Nessa aplicação serão feitas as parametrizações referentes a natureza de despesas no módulo orçamento.

Ao emitir uma nota ou uma requisição de despesas, por exemplo, o usuário indica a natureza de despesas e as configurações definidas nos Parâmetros de Despesa são verificadas indiretamente para que o processo seja executado.

Na aba Nota, para importar os itens da nota com o produto genérico, marque a opção Importar itens conforme CFOP, destacada abaixo:

Imagem 4 – Importar XM com o Registro Genérico

Ao importar as notas, os itens referentes a esses CFOPs serão importados com o item genérico, não ficando na rejeição.

Para as naturezas de despesa indicadas que utilizarão o recurso, quando importada uma nota fiscal pela aplicação Importação de NF-e o sistema irá verificar se, para os itens da nota, existe de-para e, uma vez que exista, deve importar os itens da nota com o produto genérico ‘NFDESP’. Caso exista mais de um item com o mesmo CFOP eles deverão ser agrupados.

Nota: Caso não exista cadastro de ‘de-para’ ou do item genérico ‘NFDESP’ o item deve ser rejeitado.

Aula Interativa

O GPS Consinco guia você! Assista a nossa aula interativa para ter uma experiência de uso passo a passo desta atividade, e conseguir chegar ao seu objetivo!

Atividades Relacionadas

Importar XML de Nota de Despesa

Este artigo foi útil para você?
Sim
Não
Confirmar que o artigo não foi útil