Regras para definição do método base de custo utilizado para precificação, consultas e análises gerenciais

Filtros


Atalhos para busca

Objetivo

Nesta documentação estão descritas as regras para definição do cálculo do preço de venda sugerido, utilizado no processo de precificação.

Caminho

Não se aplica.

Pré-Requisitos e Restrições

Não se aplica.

Passo a Passo

Cálculo quando o parâmetro da divisão Cálculo Rentabilidade está configurado com a opção Preço de Venda

1) Subtrai de 100 os percentuais de:

  • Despesa operacional: Pode ser configurado no segmento de venda, classificação comercial ou parâmetros da empresa.
  • Impostos: São considerados os impostos de ICMS da Saída, PIS e Cofins conforme situação tributária de saída, outros impostos, CPMF e IR;
  • Comissão Normal: Dependerá do parâmetro Utiliza % de comissão sem impacto na sugestão de preços/análises gerenciais, configurado na aplicação Parâmetros do Dealer.
  • Margem de Lucro do Cadastro: Dependerá do tipo de cálculo da margem configurado na divisão da empresa e da forma de parametrização das margens;

2) Dividir o custo líquido pelo resultado obtido no passo 1:

Nota: O custo líquido a ser considerado depende do tipo de custo usado como base para sugestão de preço e do método de precificação definido no cadastro da divisão da empresa.

No caso da Simulação de Preços, acessada pela aplicação Consulta de Produtos, sempre será considerado o custo atual da empresa ao carregar a tela.

3) Multiplicar o resultado por 100, obtendo assim o preço sugerido para venda na margem do cadastro.

Exemplo: Custo / (100 – (%Despesa Operacional + %Impostos + %Comissão + %Margem de Cadastro)) * 100.

Nota: Quando a empresa possui valores de Contribuição Social sobre Lucro Líquido sobre margem obtida e Imposto de Renda sobre margem obtida, o cálculo sofre alteração, pois estes percentuais devem ser considerados no valor da margem definida como alvo.

São configurados na aplicação Parâmetros da Empresa, aba Formação de Preço, campos IR (Sobre Mgm obtida) e CSLL (Sobre Mgm obtida). Nesse caso, a margem de cadastro será alterada para uso no cálculo:

  • Subtrair de 100 o percentual de IR e CSLL;
  • Dividir a Margem de Cadastro pelo resultado obtido no passo anterior;
  • Multiplicar o resultado por 100, obtendo assim a nova margem de lucro, acrescida do imposto e da contribuição.

Exemplo: Custo / (100 – (%Despesa Operacional + %Impostos + %Comissão + (%Margem de Cadastro / (100 – IR sobre margem obtida – CSLL sobre margem obtida) * 100))) * 100

Nota: Dessa forma, ao fazer o cálculo inverso, tomando como base o preço de venda sugerido, subtraindo os valores de impostos da venda, comissão, despesas operacionais, custo, sobrará um valor que representa a margem de lucro do produto, e caso exista impostos sobre margem obtida, ao subtrair os valores que representam os percentuais definidos, sobra um valor de lucro que ao dividir pelo preço de venda sugerido, representa exatamente a margem de cadastro desejada.

Cálculo quando o parâmetro da divisão Cálculo Rentabilidade está configurado com a opção Preço de Venda Líquido de Impostos:

1) Subtrair de 100 os percentuais de:

  • Despesa operacional: Poderá ser configurado no segmento de venda, classificação comercial ou parâmetros da empresa;
  • Impostos: São considerados os impostos de ICMS da Saída, PIS e Cofins conforme situação tributária de saída, outros impostos, CPMF e IR;
  • Comissão Normal: Dependerá do parâmetro Utiliza % de comissão sem impacto na sugestão de preços / análises gerenciais). Configurado na aplicação Parâmetros do Dealer.
  • Margem de Lucro do cadastro: A margem dependerá do tipo de cálculo configurado na divisão da empresa e a forma de parametrização das margens.

Nota: Quando a divisão da empresa possui configuração de rentabilidade líquida de impostos, é necessário considerar os percentuais de impostos no valor da margem definida como alvo, para que a apuração da margem do preço de venda seja com base no preço de venda, já deduzindo os impostos. Nesse caso, a margem de cadastro será alterada (internamente) para uso no cálculo, subtraindo os impostos incidentes.

2) Dividir o custo líquido pelo resultado obtido no passo 1

Nota: O custo líquido a ser considerado depende do tipo de custo usado como base para sugestão de preço e do método de precificação definido no cadastro da divisão da empresa. No caso ddo recurso simulação de preços, acessado por meio da aplicação Consulta de Produtos, sempre será considerado o custo atual da empresa ao carregar a tela.

3) Multiplicar o resultado por 100, obtendo assim o preço sugerido para venda na margem do cadastro.

Exemplo: Custo / (100 – (%Despesa Operacional + %Impostos + %Comissão + (%Margem de Cadastro %Impostos))) * 100.

Nota: Quando a empresa possui valores de Contribuição Social sobre Lucro Líquido sobre margem obtida e Imposto de Renda sobre margem obtida, o cálculo sofre alteração, pois estes percentuais devem ser considerados no valor da margem definida como alvo.

São configurados na aplicação Parâmetros da Empresa, aba Formação de Preço, campos IR (Sobre Mgm obtida) e CSLL (Sobre Mgm obtida). Nesse caso, a margem de cadastro será alterada para uso no cálculo:

  • Subtrair de 100 o percentual de IR e CSLL;
  • Dividir a Margem de Cadastro pelo resultado obtido no passo anterior;
  • Multiplicar o resultado por 100, obtendo assim a nova margem de lucro, acrescida do imposto e da contribuição.

Exemplo: Custo / (100 – (%Despesa Operacional + %Impostos + %Comissão + ((%Margem de Cadastro %Impostos) / (100 – IR sobre margem obtida – CSLL sobre margem obtida) * 100))) * 100.

Nota: Dessa forma, ao fazer o cálculo inverso, tomando como base o preço de venda sugerido, subtraindo os valores de impostos da venda, comissão, despesas operacionais, custo, sobrará um valor que representa a margem de lucro do produto, e, caso exista impostos sobre margem obtida, ao subtrair os valores que representam os percentuais definidos, sobra um valor de lucro que ao dividir pelo preço de venda sugerido subtraído de impostos, representa exatamente a margem de cadastro desejada.

Sugestão por Markup

Na precificação realizada pela aplicação Gerenciador de Preços, é possível utilizar a sugestão de preço por Markup. O percentual de markup alvo é definido no cadastro da família.

1) Aplicar o percentual do markup esperado para o produto, ao custo bruto.

 Nota: O custo bruto a ser considerado depende do tipo de custo usado como base para sugestão de preço.

2) Somar o resultado ao custo bruto.

Exemplo: Custo Bruto + (Custo Bruto * %Markup).

Atividades Relacionadas

Consultar Simulação de Preço

Este artigo foi útil para você?
Sim
Não
Confirmar que o artigo não foi útil